12/06/2012

A Minha História de Amor...


Meninas amadas,

Hoje, um dia assim tão cheio de coraçõezinhos, resolvi dar um Feliz dia Dos Namorados à vocês contando a minha história de amor.

E vocês vão ver que eu tenho história pra contar...

Bom vamos começar...

Eu tinha 18 anos, e estava vivendo aquela fase “balada com a melhor amiga”. Mas o cupido pega a gente bem quando estamos distraídas... Era um domingo, mais especificamente dia 08/08/08, minha amiga e eu (beeijo Ana!) fomos ao nosso religioso pagodinho de domingo (para as leitoras de BC: quem lembra do Porto Santo?).

Eis que a minha amiga, com aquela discrição que só a gente tem, me diz “Amiga, tá vendo aquela cara lá fora na fila?”, “Hã, o que tem?”, “Então, eu já fiquei com ele, e hoje vou ficar de novo, pode apostar”. Calma gente, não furei o olho da minha amiga. Ela dá um tchauzinho, o menino responde, e graças a Deus ele não teve coragem de chegar sozinho na Ana. Cutucou o amigo... sim o amigo... e os dois entraram.
E de cavalo branco o meu príncipe entrava no pagodinho do Porto Santo.

Essa é a foto do dia que nos conhecemos:


Depois disso continuamos saindo por alguns meses. Tudo o que eu sabia sobre ele é que morava em São Paulo e estava de férias em Balneário Camboriú, tudo o que eu não queria era me apaixonar por ele... mas quem disse que o coração escuta a gente?

Começamos a namorar e, pra encurtar a história, o que eram pra ser férias em BC viraram 6 meses... Uma paixão deliciosa tomava todos os meus pensamentos e sonhos, não queria perder um segundinho do lado dele.

Completamente feliz, encantada com a vida, um belo dia absolutamente comum, fim de expediente no meu trabalho, abro Orkut (que Deus o tenha) e me deparo com um depoimento do  meu amor. 

Que delícia, uma declaração linda, coraçõeszinhos em volta da minha cabeça, até que a mensagem começa a tomar o seguinte rumo: “...Esses foram os melhores meses da minha vida, eu nunca vou me esquecer de você”, opa o coração já começava a disparar... O chão se abriu e tive uma das sensações mais duras e incríveis de toda a minha vida quando li a última frase: “Estou voltando pra SP, e passo hoje à noite pra me despedir de você”. Como assim? Voltei para casa estática, sem dizer uma palavra, esperando que no fundo fosse uma brincadeira.

Ouvi a buzina na frente de casa, aquela que me fez sair correndo com rímel num olho só tantas vezes, dessa vez vinha se despedir. E nos despedimos, como se fossemos morrer no dia seguinte, acho que nunca chorei tanto quanto naquele dia, e no dia seguinte, e na semana seguinte.
O  amor da minha vida tinha indo embora da mesma forma que apareceu, e eu precisava fazer alguma coisa.

Foi então que começou a relação mais linda e dolorosa que duas pessoas podem ter: à distância.


Ai meninas, como foi difícil. Santo seja o skype. De uma a duas vezes por mês eu viajava para SP, ou ele para BC, e assim foi por um ano.
Até hoje quando pego o caminho do aeroporto tenho calafrios, o cheiro da despedida. Mas foi intensamente maravilhoso. Cada segundo juntos valia ouro. A sensação gostosa da chegada, o coração já começava a acelerar... Não seguro o sorriso quando lembro da imagem dele me esperando no saguão, lindo, com brilho nos olhos e sorriso no rosto...
Chorei muito ouvindo "Pensa em Mim" do Darwin.


Mas a vida que cada um levava longe do outro, o trabalho, os estudos, as responsabilidades, estavam nos distanciando cada dia mais, era de se esperar que isso aconteceria. Então chegamos a um ponto culminante: ou ficávamos juntos definitivamente, ou terminávamos tudo, por mais doloroso que fosse.

Preciso dizer qual foi a minha decisão?

Mas foi difícil, deixar a minha família com quem morei por vinte anos, trabalho, faculdade. Me arriscar em uma cidade onde eu não conhecia ninguém, sem saber o que o futuro me reservava.

Mas aqui estou, feliz, amada, apaixonada. Já fazem dois anos que estamos casados.


Claro que eu também sonho com véu e grinalda, mas hoje esse sonho é um pouco diferente daquele que eu tinha aos 16 anos. Ao invés do tapete vermelho em uma catedral grandiosa, vestido branco, pés descalços, as pessoas que amo e o mar... Isso traduz muito mais o sentimento que o amor me traz.
Hoje vivemos juntos, em todos os sentidos que essa expressão possui. Somos um só, o seu problema é o meu problema e a sua felicidade é o que me faz sorrir.

O que eu quero dizer para vocês contando essa história, é só uma coisa:
  O AMOR EXISTE!

E ele é ainda mais lindo do que nas novelas. O amor verdadeiro é puro, generoso, difícil, é uma paz inquietante... E você sempre terá que lutar por ele.
Não existe como descrever o sentimento de querer ser o melhor, ser alguém para outro alguém...

Eu te amo Marcelo, de todo o meu ser. Você me faz feliz todos os dias...



Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. Lindaaa história! *.*
    parabéééns e toda a felicodade do mundo a vocês

    beijo Carolina de Freitas

    ResponderExcluir
  2. ai Jé, é pra chorar né!?
    auhsuahs
    que história linda!
    que Deus abençoe sempre vocês e que vivam muitos e muitos anos de alegria *-*

    ResponderExcluir
  3. Ei Jeh, se é que posso te chamar assim!!!
    todos os dias entro no seu blog...
    que historia linda!!!
    realmente o amor existe!!!
    eu tambem sou prova disso...

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É claro que pode me chamar assim, meus sobrinhos também me chamam de Keka, rs. Obrigada pelo carinho Fran,Beijos

      Excluir
  4. sou um ótimo cupido vai dizer? hahaha tais me devendo uma visita e uma parede nova tambem sua tratanteeee! nem preciso dizer que sou eu né amiga? beijos ana!

    ResponderExcluir
  5. Que linda a história de vocês dois! Realmente o amor supera qualquer barreira. Com o passar do tempo e o amadurecimento os sonhos se transformam, né?! Engraçado como nosso pensamento e desejos tomam formas diferentes, mas o mais importante é a cumplicidade e companheirismo! Parabéns!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Ai que lindaaa história!
    Que Deus abençõe vocês!!!
    Acho que tu estava super certa de ter largado tudo e ir viver o teu amor, porque não é todos os dias que agente encontra alguém pra se amar!!!
    Linda, linda! : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Com certeza foi a melhor decisão que já tomei na minha vida. Beijo flor

      Excluir

Comentem!

© Dose de Beleza - 2015. All Rights.
Criado por: Bianca Schultz.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo